A PAZ,

(João. 16: 33) – No mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.
.
Alexandre, o Grande, conquistou o mundo diante dele, mas, foi subjugado por suas próprias concupiscências. 
.
Ele morreu em estado de estupor, completamente bêbado.
.
O cristão conquista suas próprias concupiscências, a fim de subjugar o mundo dentro dele.
.
Em Cristo somos mais que vencedores.
.
De nada adianta vencer todo o mundo ao redor e não vencer o mundo que existe dentro de nós mesmos.
.
É este último que nos abate, que nos desencoraja, que nos afasta de Deus.
.
E só seremos mais que vencedores se expulsarmos o mundo em nosso interior, substituindo-o pela presença viva e poderosa do Senhor Jesus Cristo.
.
Alexandre, o Grande, na realidade, mostrava-se pequeno.
.
Ele não conseguiu vencer o seu próprio ego, nem seu egoísmo, nem sua arrogância, nem sua prepotência.
.
Ele era fraco.
.
Jamais experimentou a verdadeira alegria; nunca conseguiu se impor sobre seu maior inimigo — Ele mesmo.
.
Ele foi derrotado… Até a bebida era mais forte que ele.
.
Quando abrimos o coração para Jesus, passamos a ser fortes.
.
Ele nos fortalece nos reveste de Sua armadura, nos protege de todo o mal.
.
Mesmo nas lutas mais duras e difíceis nós sabemos que conquistaremos a vitória.
.
E quando as dificuldades se apresentam, sempre ouvimos a voz do Senhor: 


“Tende bom ânimo”.
.
Sentimo-nos renovados, estimulados, fortalecidos… E, da mesma maneira que o Senhor venceu o mundo, nós também venceremos.
.
Se você sonha alcançar o sucesso em sua vida pessoal, se quer ser reconhecido como um grande vencedor, lembre-se que a maior batalha a travar será contra você mesmo.
.
Vencendo essa luta, todas as demais serão bem menos difíceis.
.
Esvazie-se de si mesmo e deixe Cristo dirigir seus passos.
.
O maior conquistador não é aquele que se apresenta como “o grande” e sim aquele que é dirigido pelo “Grande” Senhor e Salvador.

QUE DEUS OS ABENÇOE…