Um homem simples, atencioso e muito querido pelas ovelhas, o Apóstolo Carlos Alberto da Silva iniciou sua história pastoral há exatos 15 anos, quando a igreja Tabernáculo de Deus ainda era um culto no lar realizado em prol do seu pai, que dependente do álcool via sua vida se acabando por causa do vício. Junto com alguns simpatizantes, o Apóstolo Carlos iniciou a campanha em seu lar, que desde aquela época até hoje não se findou.

A vida de Carlos Alberto da Silva não foi mil maravilhas, pelo contrário, ele afirma que o bom pastor, deve ser por Deus provado através do fogo, para que possa passar pelas situações adversas. Católico praticante, Carlos Alberto diz que passou por um momento de tribulação tão forte que quase chegou ao ponto de tirar a própria vida, não encontrando na religião Católica, o amparo para sua restauração.

Apóstolo Carlos Alberto e Bispa Márcia
Apóstolo Carlos Alberto e Bispa Márcia
Por esse motivo, acabou caindo nos braços de Cristo e através de homens de Deus, Pastores e Profetas teve um encontro com Deus que marcou sua existência. Entretanto, o Apóstolo Carlos, faz questão de frizar que esse momento de dor e tribulação foi fundamental para que hoje ele pudesse ter experiência necessária para conduzir a igreja Tabernáculo de Deus que tem crescido a cada dia.
Pra. Marina, vice-presidente do Ministério Tabernáculo de Deus
Pra. Marina, vice-presidente do Ministério Tabernáculo de Deus
O Templo

Após 15 anos no antigo templo na rua Erato, a igreja Tabernáculo de Deus ficou conhecidíssima através dos cultos de poder Pentecostal, de grandes milagres e de maravilhas que Deus realizava. Na grande maioria dos cultos oficiais, a igreja chegava a “transbordar” de tantas pessoas, a ponto de encher a rua de gente. Muito confiante na promessa de Deus em sua vida. O Apóstolo Carlos Alberto da Silva junto de sua esposa Márcia, sabia que era chegada a hora de procurar um templo novo, mas muito seguro de suas convicções, não queria de maneira nenhuma “dar o passo maior que a perna”, como gosta de falar, e nem fazer algo fora da direção do Senhor.

Com a proposta de compra de um antigo salão de baile, Carlos recebeu a confirmação de Deus de que assim como um dia levantara sua vida destruída e a tornara uma benção nas mãos de Deus, assim faria também com aquele salão. Um dia utilizado para promiscuidade, drogas, bebidas e destruição de vidas, Deus levantaria como um lugar onde fluiria a benção do Senhor, e as vidas que antes saíam de lá destruídas, hoje entrariam destruídas, mas sairiam restauradas pelo poder de Deus. Embora visivelmente o ministério não tinha condições de adquirir o salão pela sua extensão e pelo custo alto de reforma, o Apóstolo Carlos diz que Deus o transformou em um grande administrador. Após 15 anos, a igreja ajuntou na poupança a quantia exata para adquirir o templo e isso não foi com mesquinhez, pois quem conhece a igreja Tabernáculo de Deus sabe que de maneira nenhuma os Ministros, Cantores e Pregadores são dispensados sem que o ministério o abençoe financeiramente.

Desde janeiro de 2007 no novo templo, Carlos Alberto da Silva e sua esposa Márcia, retificam de minuto em minuto que esse novo templo é um milagre! E quem conhece a história realmente se impressiona, pois o projeto visual dessa igreja grandiosa dá impressões de um projeto milionário, que de maneira alguma poderia ser pago sem um investimento de fora. O Apóstolo Carlos afirma que não há grandes empresários em seu ministério e nem ouve algum investimento de empresas. Houve sim um grande levantar dos membros da igreja que ajudaram com seus dízimos e ofertas e sua mão de obra. O grande projeto de arquitetura, que deixou o templo semelhante ao Tabernáculo do povo de Israel, foi desenvolvido por um membro da igreja que é arquiteto e que foi usado por Deus para projetar essa grande obra.